' ANGICO NO AR

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Suspeita de assassinato se apresenta à polícia em Presidente Dutra-BA

Uma mulher identificada por Beatriz Bastos de Souza, a ‘Bia’ se apresentou à Delegacia de Polícia Civil de Presidente Dutra (BA), na região de Irecê.

Segundo a polícia, Beatriz é apontada como a autora do assassinato de Edlane Mendes de Souza, 32 anos, fato que ocorreu no início deste mês na vila de Campo Formoso, município de Presidente Dutra. A suspeita estava com um mandado de prisão preventiva em aberto. O crime gerou muita repercussão na região.
Relembre o fato clicando aqui.
Fonte: Central Notícia

Reviravolta! Figurinista tinha caso extraconjugal com José Mayer

Uma reviravolta pode mudar o caso envolvendo o ator José Mayer, que foi acusado de assédio sexual pela figurinista Su Tonani. O colunista Léo divulgou que a moça não quis dar sequência ao processo justamente porque manteve um relacionamento extraconjugal com o artista, que é casado com a produtora Vera Farjado.

De acordo com a publicação, os dois terminaram e Su já estava com outra pessoa quando o ator passou a investir novamente. Alguns funcionários da TV Globo, por sinal, revelaram, que os dois chegavam juntos no carro do ator para as gravações nos estúdios da emissora e ela chegava a ficar com a chave do carro dele.

Ainda segundo o colunista, Su esteve na Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro e fez o pedido de cancelamento da acusação criminal, após acusar publicamente que José Mayer colocou a mão em sua vagina em fevereiro deste ano, nos bastidores da novela 'A Lei do Amor'.

Fonte: iBahia

Prisão arbitrária: estudante é inocentado depois de ser preso no Detran de Salvador

O estudante de administração Luiz Alberto Ramon esteve na manhã desta sexta-feira (28), no Complexo Policial Investigador Bandeira, no Jomafa, para esclarecer sua prisão ocorrida na última terça-feira (25), no pátio do Detran, em Salvador. Segundo nota da Secretaria de Segurança Pública, ele tentava transferir para o próprio nome um veículo roubado.

Luiz foi detido por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) a bordo de uma picape Nissan Frontier. O estudante informou para nossa reportagem que adquiriu o veículo e verificou através do sistema que a picape não tinha nenhuma restrição, mas mesmo assim foi preso de forma abrupta e teve sua imagem arranhada por prepostos da polícia de Salvador. Disse que levou o carro ao Detran para fazer vistoria e pagar encargos pendentes e teve seu nome manchado por uma acusação injusta. Consultamos o Sinesp e verificamos que não há restrição com a placa do veículo, conforme imagem abaixo.

Ainda de acordo com o estudante, o vendedor do carro compareceu à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Feira de Santana para esclarecer o fato. Diante da situação, a polícia já solicitou o arquivamento do inquérito envolvendo o nome do estudante, que terminou sendo vítima de uma prisão arbitrária, sem a devida investigação.

O delegado André Ribeiro, titular da DRFR/Feira, informou ao Acorda Cidade que o carro foi roubado em uma cidade no interior de Sergipe, que a queixa foi registrada, mas a delegacia não cadastrou a placa do veículo no sistema nacional. Quando o jovem realizou a consulta do carro através da placa não havia nenhuma restrição de furto e roubo, o que o fez acreditar que o veículo tinha situação legal.

“Luiz disse que comprou o carro de boa fé e que foi vítima de um golpe. Há um queixa de furto e roubo deste veículo no interior de Sergipe, porém a placa deste veículo não está no sistema nacional de veículos roubados, mas de fato existe a queixa. Ele foi apresentado lá em Salvador e esteve aqui porque ouvimos as duas pessoas que venderam o carro para ele em Feira de Santana. A data da compra e do roubo já denota que houve algo estranho. Ele comprou o carro em um mês e a queixa foi dada um mês depois, então indica-se que ele tenha mesmo comprado o carro de boa fé, e foi vítima de algum golpe. O caso está sendo apurado em Salvador. A polícia vai investigar também se o carro era um dublê”, disse.

O delegado faz um alerta para as pessoas sobre os cuidados de comprar um veículo seminovo, principalmente nas mãos de terceiros. É importante averiguar não apenas a procedência do carro, mas também sobre quem está vendendo e quem é a pessoa que consta no documento do carro como proprietária do veículo. Se a compra for feita em lojas de seminovos, verificar o histórico da empresa, e se ela trabalha de forma idônea, procurando referências através de outras pessoas que já realizaram uma compra no estabelecimento.

Luiz declarou que ele e a família estão muito abalados e que teve a vida mudada radicalmente. “Fui tratado na delegacia como um ladrão. Tive minha vida destruída por causa de um golpe”, lastimou.

Fonte: Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e Aldo Matos, com imagem reprodução

Festa do Trabalhador no povoado da Cigana/Piritiba-BA

Caminhonete é engolida pelo mar na praia de Cumuruxatiba em Prado-BA

Uma trapalhada de um motorista custou caro. Uma caminhonete foi levada pelo mar, na praia da Japara Mirim, no Distrito de Cumuruxatiba, no município de Prado, no litoral do Extremo Sul da Bahia, na tarde desta quinta-feira (27).

De acordo com testemunhas, o dono do veículo estava curtindo na praia. A suspeita é que o proprietário tenha estacionado em local irregular com a maré subindo, fazendo com que o veículo fosse arrastado para dentro do mar. Uma testemunha que não foi identificada acusou o motorista de imprudência.

Fonte: Prado Notícia

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Homem é preso na sede do Detran ao tentar transferir carro roubado para o próprio nome em Salvador-BA

Um homem foi preso após tentar transferir um carro roubado para o próprio nome, no Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-Ba), em Salvador. O suspeito, de prenome Luiz Alberto, foi preso em flagrante por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), em posse de um uma picape de cor prata. O caso ocorreu na última terça-feira (25).

De acordo com a polícia civil, o veículo foi roubado em Feira de Santana, em novembro de 2016. Na delegacia, Luiz Alberto disse aos policiais não saber da origem ilegal do automóvel, e que o teria comprado por R$ 40 mil em Feira de Santana. Ele não soube, no entanto, descrever quem teria vendido o carro.

Após revista em seus pertences, a polícia encontrou ainda drogas que aparentavam ser maconha e haxixe. Luiz Alberto foi autuado pelo delegado Marcelo Tannus por receptação e posse de drogas. Ele foi encaminhado para o Núcleo de Prisão em Flagrante da Justiça.
Fonte: G1 Bahia

Grávida confessa morte do marido após ele arrancar genitália do filho com mordida (vídeo)

Uma mulher foi conduzida para a delegacia depois de matar o próprio marido a facadas, na manhã desta quinta-feira (27), no bairro de Nova Descoberta, na Zona Norte do Recife. A vendedora de cosmético de 36 anos cometeu o crime por que o companheiro, um garçom de 27 anos, estava atacando o filho do casal e mordendo a genitália do garoto, que tem apenas 2 anos de idade. A mulher, que está grávida de cinco meses do terceiro filho do relacionamento com o homem, foi levada para a Central de Plantões, no bairro de Campo Grande, também na Zona Norte do Recife. “Ele ficou dizendo que o diabo tava comendo a pitoca do meu filho. Era só o que ele queria fazer. Aí só veio isso na minha cabeça de pegar a faca. Ele estava segurando as pernas e os braços da criança e eu enfiei a faca várias vezes”, contou a mulher.

Ainda de acordo com ela, o marido começou a ficar estranho na tarde da quarta-feira (26) e cometeu o crime durante a madrugada. O caso está na Central de Plantões da Capital e a delegada ainda analisa os depoimentos. O ato não teria conotação sexual, de acordo com a polícia. A filha da mulher, uma menina de 12 anos, presenciou o crime e também foi ouvida pela delegada Genezil Coelho, que iniciou as investigações. O caso não se trata de um flagrante, garantiu a delegada.

Socorro
A criança foi socorrida para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, área Central da Cidade. De acordo com as primeiras informações da unidade de saúde, o bebê teve o órgão genital mutilado e precisou passar por cirurgia. Os médicos tentaram fazer um procedimento vascular para manutenção do órgão sexual, mas não foi possível. A criança está na sala de recuperação e o estado de saúde é estável.

Vídeo:

Adolescente confessa traição em ‘jogo da fidelidade’ e é morta pelo namorado

A adolescente Jéssica Moreira Hernandes, de 17 anos, encontrada morta na segunda-feira (24) teria sido assassinada após um ‘teste de fidelidade’ organizado pelo namorado e o primo dele. A garota ficou desaparecida por quatro dias após sair de casa de bicicleta em Cerejeiras (RO), na região do Cone Sul. Os dois suspeitos estão presos.

A mulher do primo, que também havia sido presa na terça-feira (25), foi liberada na quarta-feira (26) por falta de provas. O namorado da jovem alega inocência. Na coletiva de imprensa realizada na quarta-feira, o delegado Rodrigo Spiça explica que Diego Parente, primo do namorado de Jéssica, confessou o que aconteceu no dia do desaparecimento da adolescente. Diego relatou que Ismael da Silva, o namorado, é extremamente ciumento e estava desconfiado da infidelidade de Jéssica. Por conta disso, o chamou para fazerem um teste de fidelidade com a garota. Depois de organizarem o plano, Diego atraiu Jéssica para o local do crime sobre a argumentação de que possuía provas de uma suposta traição de Ismael.
Na casa, Diego convidou Jéssica para a cozinha, e a deixou sentada de costas para onde Ismael ficaria ouvindo a conversa. O primo tinha a missão de descobrir se Jéssica havia traído Ismael. Dessa forma, ele tentou persuadi-la dizendo que mostraria as provas da suposta traição de Ismael, se ela também contasse a verdade sobre o relacionamento dela.

“Diego disse que Jéssica confessou que traiu Ismael, mas talvez ela tenha até mentido na ânsia de receber a informação dele. Alguma coisa que Jéssica falou despertou a ira de Ismael. Segundo Diego, após a confissão, Ismael perdeu o controle. Ele estava com um pedaço de ferro na mão, entrou na cozinha e falou: ‘então é isso’. Nisso a Jéssica vira, leva um golpe na cabeça e desmaia”, conta o delegado. Diego descreve que ficou estático, pois não esperava aquela reação de Ismael. Em seguida, o namorado levou Jéssica para um espaço sem móveis e nisso, a menina começou a recobrar os sentidos. Conforme Diego, ao perceber, Ismael empurrou a garota, que bateu com a cabeça no chão e desmaiou novamente. O primo enfatizou no depoimento que alertou Ismael e pediu para que parasse. Contudo, o namorado teria se apossado de uma faca e dado um golpe nas costas da adolescente, e em seguida, na garganta dela.

“O Diego falou que virou o rosto, porque não aguentou ver a cena. Na sequência, Ismael disse: ‘agora você está comigo. Você vai me ajudar, porque se não eu mato você também. Você não vai falar nada e vai me ajudar’. Essa é a versão do Diego, que ainda será apurada”, salienta o delegado. Depois disso, Ismael saiu e voltou com um carro com carroceria e uma lona. Eles embalaram o corpo, amarraram e colocaram no veículo. Ismael pegou a bolsa e o celular da garota e Diego ficou responsável por limpar os vestígios de sangue da casa e por se livrar da bicicleta. O primo revelou que desmontou a bicicleta e a jogou dentro de um poço na propriedade. O endereço da casa não foi divulgado, pois a polícia está averiguando o local, bem como o poço, para saber se a versão é verdadeira. A esposa de Diego também foi presa na terça-feira, mas foi solta na manhã desta quarta-feira. Segundo o delegado, após a confissão de Diego, foi afastado o envolvimento da mulher.

Investigações
O delegado enfatiza que existem muitos elementos a serem esclarecidos, e que os dados trazidos por Diego estão sendo comprovados. “Todos os indícios e elementos que nós tínhamos foram confirmados em relação aos dois. Um deles confessou em partes. Na verdade ele [Diego] contou uma versão que alivia para ele, mas que deixa o outro em situação bastante dificultosa”, esclarece. Spiça ressalta que o inquérito não está concluído, e que ainda serão juntados exames periciais, análise de dados de telefones, imagens que estão sendo recuperadas pela cidade, comprovação de localização, e oitivas de pessoas.

“Não existe nenhum outro suspeito. Foram os dois. Os dois tiveram participação. Grau maior ou menor está a se definir ainda. Qualquer outra possibilidade está afastada nesse momento. Não tenho nada concreto contra ninguém mais. Contra os dois eu tenho muito, inclusive a confissão do Diego”, afirma. A prisão de Diego e Ismael é temporária e tem prazo de 30 dias. Nesse período a polícia pretende esclarecer os detalhes da história e confrontar as informações com a versão de Ismael. “Os locais e os tipos de ferimentos descritos por Diego bate 100% com o que os legistas me disseram. Isso significa que se não foi um, foi o outro”, finaliza o delegado.


Defesa
A advogada Sara Eugênio de Souza, que defende Ismael, diz que o namoro com Jéssica já durava cerca de três anos e que as decisões tomadas no caso estão sendo precipitadas. “Meu cliente alega inocência, o que será provado no decorrer das investigações”, salienta. O advogado Fernando Milani e Silva, que representa Diego, afirma que o cliente participou do teste de fidelidade, mas não tinha noção que um crime poderia ocorrer. “A esposa não teve nenhum envolvimento. Ele mesmo nunca achou que algo assim poderia acontecer. O primo dele ficou transtornado e o ameaçou”, explicou.
Fonte: Rede Amazônica