' ANGICO NO AR: Bahia registra primeira morte com suspeita de febre amarela, diz Ministério da Saúde

sexta-feira, 31 de março de 2017

Bahia registra primeira morte com suspeita de febre amarela, diz Ministério da Saúde

O último boletim sobre casos suspeitos de febre amarela do Ministério da Saúde (MS), com dados computados até o dia 29 de março, revelou que uma morte em decorrência da enfermidade está em investigação. Já foram notificados na Bahia 20 casos suspeitos de febre amarela. Destes, 12 foram descartados e oito continuam sob investigação.

Os dados da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), datados de 28 de março, aponta que são 16 os casos suspeitos no Estado, sendo que sete haviam sido descartados e outros nove permaneciam em análise.

Os pacientes estão distribuídos em oito municípios: Coribe (4), Feira de Santana (1), Ilhéus (1); Itamaraju (2), Itiúba (1), Mucuri (1), Nova Viçosa (1), Teixeira de Freitas (3) e 2 casos com pessoas residentes no estado de Alagoas (que passaram por vários locais na Bahia). Os quatro casos de Coribe, o único de Mucuri e dois em Teixeira de Freitas já foram descartados.

Dinheiro
Na última quinta-feira (30) foram distribuídos pelo Ministério cerca de 1,9 milhão de reais para 16 municípios do interior da Bahia e para a Sesab intensificarem as ações de imunização contra a doença. Salvador ficou de fora dos repasses.

A cidade de Feira de Santana, onde 355 mil pessoas devem ser imunizadas contra a febre amarela, recebeu a maior quantia do MS, pouco mais de R$ 587 mil. Em segundo lugar ficou Vitória da Conquista, com R$ 326 mil. A Sesab recebeu pouco mais de R$ 176 mil.
Fonte: Correio