' ANGICO NO AR: Mãe mata recém nascido alegando ser filho de uma traição conjugal

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Mãe mata recém nascido alegando ser filho de uma traição conjugal

Uma mulher de 33 anos confessou ter dado à luz, matado o recém-nascido e jogado em um lixão no município de Barra do Choça, no sudoeste da Bahia. O corpo do bebê foi encontrado por catadores de recicláveis na última terça-feira (6). Segundo informações da polícia, a menina, que ainda estava com o cordão umbilical, estava enrolada em um lençol e uma colcha, ambos sujos de sangue, e sob um pedaço de tábua. Na delegacia, a mãe contou que deu à luz em casa e sufocou o recém-nascido usando vários lençóis.

De acordo com a mulher, a criança era fruto de uma traição e ela queria se livrar do "problema". O companheiro da suspeita foi ouvido e se mostrou surpreso ao saber da história, já que a mulher teria dito que perdeu o bebê e também por já ter conhecimento da traição e ter aceitado a criança. De acordo com a polícia, a suspeita vai responder o crime em liberdade, já que não houve flagrante
CDP