' ANGICO NO AR: Agressões e quebra-quebra na Sessão Ordinária da Câmara de vereadores de Quixabeira

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Agressões e quebra-quebra na Sessão Ordinária da Câmara de vereadores de Quixabeira

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Quixabeira desta terça-feira (07) foi marcada por agressões e quebra-quebra. Em uma noite reservada para votação do projeto de Lei 054/2016 que dispõe sobre a proibição da derrubada das palmeiras do licuri da autoria da vereadora Lucília (PT).

O Vereador Rogério relator da comissão de infraestrutura e meio ambiente emitiu o Parecer contrário à aprovação alegando que o projeto precisava de mais debate após ouvir os agricultores do município que não concorda com as regras e o valor da multa prescritas na Lei. De acordo com as discussões dos vereadores na sessão de hoje, foi observado que a matéria na mão da comissão não sofreu nenhum debate antes da emissão final do Parecer.
Na discussão do Parecer, com a palavra do Vereador Firme que logo interrompido pelo Vereador Rogério totalmente descontrolado, quebrando mesa, copo, microfone e ameaçando agredir o vereador Firme sendo impedido pelo seu colega de oposição Vereador Alcivan.
Após toda discussão, o Parecer do relator foi mantido pela maioria dos votos dos vereadores presentes. Votando favoráveis o Vereador Rogério (relator da matéria), Vereador Antoniedson (Essinho) Vereador Alcivan e o Vereador Lourival. E votos contrários a Vereadora Lucília (Autora do Projeto), Vereador Erilberto (Ril de Beto), e o Vereador Dourenilson (Firme). A Vereadora Glassigleide não compareceu. Mesmo diante do resultado dessa votação, o Presidente Juceli Barbosa encaminhou o projeto para deliberação da ordem do dia para próxima sessão do dia 14 de Junho.
Fonte: Blog Ril de Beto